Informações


banner-orteses-lesao

Órteses para lesões do polegar

O polegar é o principal dedo da mão, pois em oponência contactua com os demais dedos e realiza mais movimento que os demais (flexão, extensão, adução, abdução, circundução), e sendo assim, está mais propenso a lesões.

Sua sobrecarga pode acarretar tendinites, tenossinovites, artrites, lesões ligamentares e até rizartrose.

O tratamento conservador tem como prioridade o alivio da dor, manutenção da função do polegar, orientações e uso de órtese.

As orientações são baseadas em análise de atividades do paciente, realizadas pelo terapeuta ocupacional, em que se aplica métodos de proteção articular visando a independência do mesmo, afim de evitar o agravamento da lesão. Modificação no uso do celular, na realização das atividades domésticas, nas atividades laborais, entre outros.

Existem órteses pré-fabricadas em lojas ortopédicas que podem auxiliar em alguns casos.

Aqui algumas imagens de órteses confeccionadas sob medida pelo terapeuta ocupacional, respeitando a biomecânica da mão: o arco e as pregas palmares, pontos de pressão, com intuito de obter repouso articular e a função da mão.

Algumas orientações para evitar o uso excessivo do polegar:

- Segurar objetos pesados com as duas mãos para distribuir o peso;

- Na cozinha, usar multiprocessador para picar alimentos duros, comprá-los picados ou solicitar que alguém os pique;

- Usar adaptações para abrir potes de conserva, refrigerante;

- Apertar o botão da descarga com a mão fechada, apoiando os dedos.